.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

01/12/2012

Um chapelito trálálá!


Não é comum, em Portugal, as mulheres usarem chapéus, o que não percebo muito bem, porque são um acessório tão bonito...
Pior ainda, sinto-me observada quando uso um chapéu, qual ave rara com uma crista colorida!
Escritas que estão estas pequenas observações, tenho a dizer que adoro chapéus, pelo que os mesmos deviam ser de uso obrigatório (nos homens, por exemplo, um chapéu - se bonito - dá cá um style...).
Um destes dias usei a minha última aquisição, tri-color e muito simples (para variar)
Ora vejam:














2 comentários:

zozô disse...

Marta, já não me sinto sozinha: também sou olhada como ave rara. Mas tenho imensos chapéus, boinas, gorros, e não deixo de os usar no Inverno. Às vezes digo: minha gente, é só um bocado de tecido, não é o anticristo! :))

Marta Moura disse...

Devíamos criar uma associação do género: "Defensoras acérrimas dos acessórios para a cabeça". Ehehehhe