.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

25/04/2015

| Uma viagem com Rodrigo Leão |




Gosto muito de Rodrigo Leão, que considero um dos melhores músicos portugueses. E na passada quinta-feira, finalmente, tive a oportunidade de o ver ao vivo. E foi tão bom!
Descobri sons que não são audíveis nos cd's e deixei-me levar nas suas histórias. Muitas vezes dei por mim a fechar os olhos e a absorver toda aquela beleza e, muitas vezes também, apercebi-me que a minha expressão tinha vontade própria, alterando-se consoante o que estava a sentir (claro que isto tem repercussões negativas ao nível das parvas das rugas, pelo que ainda estou a ponderar se processo ou não o músico por danos físicos notórios)!
No final, a plateia estava rendida e os aplausos foram intensos, demorados e sentidos.
E a ovação aconteceu, obviamente, de pé.


4 comentários:

Inês Nogueira disse...

Também gosto muito! :)

http://glamourandsparkletrends.blogspot.pt/

G. disse...

Um beijinho ao som de uma vida tão estranha.

https://www.youtube.com/watch?v=CTyPuuq9yLM

Andreia Morais disse...

Nunca o ouvi ao vivo, mas deve ter sido incrível!

r: Totalmente de acordo

Rosa Branca disse...

Ao vivo, conseguimos sentir coisas que ao ouvir no cd não conseguimos :)

Beijinhos

http://aperfeicaoeummito.blogspot.pt