.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

02/11/2015

| Começar a semana a ler |



Se forem ao Google pesquisar frases de Bukowski, elas vão aparecer-vos às dezenas, em proporção ao seu talento.
Nascido na Alemanha mas tendo vivido e morrido na América, foi um autor muito especial - bebia como se não houvesse amanhã, não gostava nem acreditava especialmente na humanidade e era altamente crítico da sociedade e de si próprio -, que lançou mais de 45 obras, entre romances, contos e poesia.
Este 'Hollywood', que terminei de ler há pouquíssimo tempo e que me encheu as medidas (tendo-me provocado muitas gargalhadas) data de 89 e narra, de forma ficcional, mas pouco, as aventuras de Bukowski enquanto escrevia o guião e era produzido o filme 'Barfly'.
Escrito com uma linguagem muito simples, e considerando que esta é uma obra altamente biográfica, o autor discorre sobre todos os que com ele conviveram nesta altura, mal se preocupando em trocar os nomes dos personagens. Logo, de uma sinceridade desarmante, a que não estamos habituados.
Obrigatório conhecer. 
Quer o livro, quer Bukowski, o eterno enfant terrible.
 

5 comentários:

Diana Fonseca disse...

Fiquei com vontade de ler sobre ele.

Sofia disse...

Fiquei curiosa! (=

Maria Francisca disse...

eu já li carradas de citações dele, mas nunca li nenhuma obra completa. soon!

MAG disse...

Também fiquei curiosa! Boa Semana!

Gluten Free Girl disse...

nao conhecia! vou pesquisar ;)