.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

07/05/2016

| Crónicas da vida airada (ou não) #3 |

Na semana passada saiu uma (não) notícia nos meios de comunicação social relacionada com o facto de George, o filho de William e Kate Middleton, ter-se encontrado com Barack Obama em pijama e roupão.
As fotografias tornaram-se virais e foram apenas necessários 7 minutos para que o roupão usado pelo pequeno príncipe esgotasse, existindo já uma enorme lista de espera para quando for reposto o stock.
Este tipo de (não) notícias - que não são novidade, já que as roupas usadas por Kate esgotam em segundos - deixa-me sempre perplexa, porque fico parva com a falta de originalidade e de vontade própria das pessoas.
Vamos comprar uma peça de roupa de que gostemos e com a qual nos identifiquemos? Ou que seja a nossa cara e que nos vai assentar bem?
Nããã, que isso dá trabalho: vamos comprar vestidinhos iguais aos da Kate e, para os filhos, compramos roupões iguais aos do filho de Kate, que isso vai correr bem. As peças até podem não assentar (não é toda a gente que tem o corpinho mega magro de Kate), mas qual é a importância que isso tem? Se fica bem a ela, vai ficar bem em mim, com certeza! 
A sério pessoas? Para vocês, tenho três simples palavras: get a personality!

P.S.: Na próxima terça-feira vou estar à conversa com a Fátima Lopes no 'A tarde é sua'. Para descobrirem sobre o quê vejam, ok?
Conto convosco! ;)

20 comentários:

Soraia Martins disse...

Acredita! Eu não entendo este pessoal que só compra porque pessoa x ou y usou! Eu compro porque gosto e me identifico com a peça, não porque alguém também comprou...

É só mais um blog

Carla Ramalho disse...

Concordo contigo, nunca percebi este tipo de fenómenos. Eu nunca fui de modas, gosto de ter o meu estilo próprio (que nem é nada assim de diferente) mas sempre me fez confusão ver as pessoas a copiar por completo, tipo gémeos. Adoro a originalidade :D
Beijinhos ...
Guloso qb

Sofia disse...

Concordo plenamente, acho estas coisas completamente ridículas =p

Não vou poder ver a tvi na terça, mas fico à espera de novidades

Anónimo disse...

(*Com certeza)

Marta Moura disse...

Obrigada Anónimo! :)

Janny disse...

ai vou ver-te :)

As Coisas Dela disse...

Nunca gostei de ver em alguém coisas iguais às minhas coisas... nunca iria comprar nada por tais razões!
PS: faz o favor de relembrar do programa, boa sorte :)

Raquel Brandão disse...

infelizmente há muita gente assim... Parecem viver obcecamos pelos outros ao invés de viverem a sua própria Vida.
Boa sorte com a participação no programa ;)

http://thecachepot.blogspot.pt

Lea disse...

Compro o que gosto e o que me deixa confortável.
Não vou ver o programa porque estarei a trabalhar, mas disponibiliza depois o vídeo :)

Miss Cokette disse...

Concordo inteiramente Marta e eventos como ess,e que descreveste, são tão ridiculos serem noticia que até fico pasma com a falta de noticias importantes, mesmos abendo que as há...
Beijinhos e que tudo corra bem terça ;).
Beijinhos.

misscokette.blogspot.pt

Kelly Anne disse...

Concordo!! Conheço situaçoes assim :)
Beijinho, Kelly
Blogue Scream of Beauty
FanPage do Facebook

Isa Sá disse...

À coisas que não se entendem...quem ganha são as marcas...

Isabel Sá
http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Sandra Marques de Paiva disse...

Muito bem, concordo contigo. Não vou ver, vou estar a trabalhar, mas desejo-te boa sorte e que corra tudo bem ;) Beijinho

A Senhora do Trevo disse...

Concordo em absoluto. Amanhã, quando voltar para casa, ponho a televisão a andar para trás e vou ver o programa. Boa sorte. Beijinhos

Pedro Luso disse...

Gostei.

Crocheteando...momentos! disse...

Simplesmente ridículo!
Bj e espero que seja um belo projeto na tv

Anónimo disse...

Olá boa tarde! Acabei de ver o programa da Fátima Lopes e não podia deixar de comentar. Obrigada!!! Obrigada porque eu partilho do mesmo sentimento, não quero ter filhos!! O que isso tem de errado? De fato, a sociedade está formatada de uma forma que é difícil contornar. Mas ter filhos para agradar aos outros nunca!! Já fui criticada, acusada de egoísta, anormal, mal formada e muitas outras coisas! Respeitem a vontade de cada um e seremos todos mais felizes! Se pudesse também daria o meu testemunho, porque tem de haver coragem para falar de temas tabus! Infelizmente ainda é tabu falar dele. Não é por não falarmos que as coisas deixam de acontecer! Nem todos nascemos para ser médicos ou engenheiros e com a maternidade é a mesma coisa. Tenho sobrinhas e adoro-as mas...como costumo dizer...meninos são lindos nas mãos dos outros. No entanto, admiro todas as mães, principalmente a minha claro! A capacidade de adaptação é extraordinária, Obrigada mães e beijinhos a todas

Anónimo disse...

Martita...parabéns, adorei ver e ouvir-te...sem qualquer "capa" apresentaste-te como Tu Própria, acho que todos aqueles que te conhecem minimamente bem ficaram bastante orgulhosos de ti...um bom testemunho de alguém que é FELIZ com as suas opções!

Um beijinho grande

P.S:Aproveita bem o pequeno F. 🛬🎤🎹📷🎉🎈P.

Avelã disse...

Realmente é preciso ter-se alguma falta de vontade própria. Se bem que é um motivo para comprar uma peça 'as good as any', já que não é novo confiarmos as nossas escolhas a outras pessoas :)

Ana Freire disse...

Tinha perguntado sobre o programa em que participaste, no post seguinte... pois estou a ver as novidades por aqui, de frente para trás... e acabaste de me responder sobre o mesmo... que programa e quando deu...
Pois é... vai toda a gente a correr... comprar a roupa dos príncipes e princesas... talvez por pensarem, que basta isso, para se ter uma vida de reis... idiotices!...
Bjs
Ana