.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

02/10/2016

| Crónicas da vida airada (ou não) #13 |

Sendo utilizadora do Tinder há já uns meses, posso afirmar que é muito difícil encontrar por lá homens de jeito ou, no mínimo, que estejam na mesma onda do que nós. 
Muito homem à procura de sexo, muito homem que não sabe escrever, muito homem que não sabe pensar, as hipóteses de se conhecer alguém interessante são muito, muito remotas.
Felizmente que há sempre excepcões e, no meio daquela miscelânea toda, conheci três pessoas (virtualmente) que quase considero como amigos.
Uma dessas pessoas é o Domingos.
Já nos 'correspondemos' há bastante tempo, e foi com ele que me aconteceu uma das gaffes mais inusitadas e divertidas da minha vida, razão pela qual a vou partilhar (especialmente com as leitoras deste blog, para que aprendam algo e não repitam os meus erros).
Já havia um tempo que falava com o Domingos quando desapareci dos contactos dele, ou seja, só lhe aparecia quando lhe dizia alguma coisa (sim, porque no Tinder também acontecem bugs, nada de novo).
Foi aí que decidimos trocar números de telemóvel, para começarmos a falar via Whatsapp (neste ponto é importante referir que, ao contrário do Tinder, que só permite partilhar mensagens de texto e gifs, o Whatsapp permite a partilha de gifs, mensagens audio, fotos e vídeos).
Ora, como temos o mesmo (bom) gosto musical, começamos a partilhar músicas ou bandas de que gostamos.
Um dia mandei-lhe uma música da minha banda portuguesa preferida, que já não existe (buáááá), os deliciosos Ornatos Violeta, de quem, por acaso, o Domingos também é grande fã (faço aqui um parêntesis para um apelo público: voltem Ornatos, sentimos a vossa falta). 
E que música é que partilhei? Uma que se chama Marta, lógico (*)!
Ora, pela resposta do Domingos, percebi que ele ficou algo ressabiado (eu também ficava, em condições similares, do género como é que a minha banda preferida não tem uma música com o meu nome?).
Assim sendo, do que é que esta mente brilhante se lembrou?
Vou ao Youtube, deve haver uma música que se chame Domingos. E assim fiz.
Após uma pesquisa mega rápida, à gaja, decidi partilhar a única música que encontrei (só havia entrevistas e notícias com esse nome), com o seguinte título: Alexandre Nero e Mosca - Domingos (ao vivo).
Não conheço estes personagens de lado nenhum mas, assim que ouvi os primeiros acordes, concluí que era uma música romântica de novela brasileira, e aqui vai disto: Domingos, também tens direito a uma música dedicada a ti.
Logo depois de a ter partilhado, começo a ouvir a letra (Vamo' ter um filho, vamos escolher o nome dele, deixa eu te alegrar quando você 'tiver triste, deixa eu te ninar quando você 'tiver cansada) e pensei: alto lá, não era bem isto que eu queria, não vamos ter logo assim um filho!
Mas logo a seguir pensei: ok, Marta, isto é uma música romântica, a seguir ao filho vem o alegrar-te quando estás triste, nada de mais, certo? 
Errado. Muito errado. Ninguém me preparou para o que vinha a seguir. 
Para ouvirem a música (à primeira audição aparentemente inofensiva) que enviei ao Domingos, basta clicar aqui.
Quando me apercebi da real dimensão da coisa, fui a correr feita galinha sem cabeça para o Watsapp para tentar evitar um mal maior, mas já não havia nada a fazer. Ainda disse ao Domingos para ignorar aquela partilha, mas ele não me ligou grande coisa.
Que esta crónica vos sirva de lição: calma e ponderação são características, mais do que apreciadas, necessárias: não ajam impulsivamente como eu porque vai dar merda! 
Neste caso, e como o Domingos já me conhecia um bocadinho, não veio mal nenhum ao mundo, mas podia ser pior. :)

(*) Basta irem ao Youtube, ela está lá, linda e maravilhosa.

25 comentários:

Claudia Victória disse...

Oi
Caraca q situação heim menina!
To lembrando q mandei um audio errado pra uma pessoa que deu a maior merda, mas eu tava com pressa e com preguiça de ouvir pra saber se era aff... deu merda e tá dando até agora.
Ainda bem q não deu em nada o seu pq o meu deu
Beijos
http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

Kati Antunes disse...

Confesso que adorei esta tua peripécia. No momento acredito que tenha sido chato, mas depois passa e vemos que não tem assim tanto mal;)
Beijinho, Kati

ossegredosdakati.blogspot.com

Madalena Santos disse...

Teve a sua graça .. Imagino a cara do rapaz a ouvir a música .. 😂

Ana Araújo disse...

Que situação! É horrível quando acontece mas depois mais tarde até dá vontade de rir!
Beijinhos

https://annahandtheblog.blogspot.pt/

Ana Fernandes disse...

Ahahah, já estou a imaginar a cara do moço quando começa a ouvir filhos e coisas do estilo! Isto é crescer para aprender! =)

www.anafernandes.ch

YellowMcGregor disse...

Considerando que certas palavras anteriormente banidas entraram para o léxico diário, tornando-se quase obrigatórias nas conversas urbanas, poderemos afirmar que a música não terá nada de mal a ser os próprios convites nele explícitos quando não intencionais.

Mas o old-fashioned romantismo está lá...
Deixa eu ajoelhar e beijar tua mão ;-)

Com um ramo de :-) (sorrisos)

Lápis Roído disse...

Marta, estou muito sentido contigo. Então tu andas nessas coisas há meses e ainda não paraste um bocadinho para conheceres esta jóia de rapaz? :P
Vamos quê o dia inteiro? Não percebi... Tenho dificuldades com o português com sotaque brasileiro :P Jura que não desejaste que o Domingos fosse lituano naquela altura! Jura lá, Marta! :P

Lux G. disse...

I think it's really tough to find a decent one in some dating sites/apps.
Thanks for sharing your views and experience.

Miúda disse...

LOOOOOOOL a parte que "... vamos F* o dia inteiro..." ai demais... teria ficado tao envergonhada se fosse comigo xD

Chic' Ana disse...

LOL, o que eu me fartei de rir, realmente que música essa! =)
Beijinhos

Joana disse...

ahahahahahhah... Estas crónicas do Tinder são brutais! O que eu me rio.

Cidchen disse...

Ahahah! A pressa nunca foi Boa conselheira. :D

Andreia Melo disse...

Ahahahah, o que eu me ri com este post!! Admito que também já me aconteceram peripécias parecidas... É o que dá estar com a pressa ahah :)

Beijinhos, xx
My Little Corner

pequenasvontades disse...

Foi ouvir a música e dei uma valente gargalhada! Tão bom. Tens toda a razão, é preciso calma antes de agir. Mas ficaste com uma boa história =)

Teresa Isabel Silva disse...

O que eu me ri a ler isto! Imagino a tua cara!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

Minnie Me disse...

Ri muuuuuuito!
E quando fui ver a música.... XDDD

Beijinho

Ana disse...

ahahahahah maravilhoso! Adoro as tuas histórias do Tinder!

Beijinhos Marta

M. disse...

Xi, ahahahahahahaa!!! Acho que o Domingos deve ter achado piada!
Uma das minhas amigas, depois de muito uso do Tinder, neste momento namora com um rapaz que conheceu lá ;)

Ana Freire disse...

Hehhehehehe!
Acontece!... Por essas e outras... já aprendi!... Ver sempre os vídeos... até ao fim... porque até ao final... pode haver surpresas...
Fizeste-me rir com o teu post!
Bjs
Ana

Avelã disse...

Haha, que situação tão caricata, imagino a tua cara a ouvir a música :P

em cê disse...

haha, desculpa, mas isto teve muita piada! acontece às melhores ;)

_+*Ælitis*+_ disse...

Hehe!!

Detalhe curioso: foi assim que desencantei o meu namorado. Ou foi ele que me desencantou? Enfim.
Melhor das sortes para ti!

L-ucia disse...

Confesso que acabo de me sentir uma das leitoras mais sortudas do mundo por ter encontrado um blogue como o teu. Adorei! :) E, já agora, felicidades para ti e para o teu namorado/companheiro/whatever

Tamborim Zim disse...

ahahaha Vamo qui vamo! Mas valeu a sabedoria do cavalheiro, ora, e da dama!

Majó disse...

Ah!!!! Um começo auspicioso! :-D
Mas que mico hein?!?!
Bjs e tudo de bom pra vocês!