.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

16/03/2017

| Crónicas da vida airada (ou não) #23 |

Vamos a mais uma análise tinderiana, desta feita ao David, de 42 anos (atenção que, estando a meio de um doloroso processo de ressaca, pelo facto de me ter esquecido do smartphone, não estou lá muito meiga).
Então o David apresenta-se da seguinte forma:

Descontraído
Tal como o Sting sou fã de sessões de 5 horas de sexo tântrico... Jantar e cinema incluídos. (nas 5 horas)

Parece impossível como tão poucas palavras podem dizer tanto sobre determinada pessoa. Basta um bocadinho de atenção e capacidade de observação, e se há coisa que gosto de fazer é observar (isto, claro, quando a minha cabecinha - que anda a maior parte do tempo na lua - me dá uma abébia).
Vamos aos factos:
O David começa por dizer que gosta de sessões de 5 horas de sexo tântrico. 
De uma forma muito simplista, podemos dizer que sexo tântrico é uma entrega sem pressas ao parceiro, não tendo como fim imediato o orgasmo, e que pode e deve demorar horas. Claro que esta é uma espécie de definição para totós, já que o sexo tântrico envolve conceitos como espiritualidade e conexão com o outro, todo um mundo de práticas relacionadas com yoga e com a procura de si mesmo que não vou desenvolver. Mas já ficaram com uma ideia, certo?
Voltando ao David, a minha primeira dúvida é: e se a sessão ficar aquém das 5 horas (por exemplo, se durar 4 horas e 47 minutos), ou for além desse tempo e perdurar umas 5 horas e 28 olímpicos minutos, será que o David já não gosta? 
Fica a dúvida no ar.
Depois o David avança um pouco mais e parece propor a todo o mulherio que lhe apareça (sim, porque o texto que transcrevi é a sua apresentação) que essa sessão de sexo aconteça logo à primeira. Assim de repente acho que isso colide com o conceito de sexo tântrico - que implica conhecimento e confiança com o parceiro - e estou tentada a crer que o David não gosta tanto assim de sexo tântrico, gosta é de foder muito, o que não é beeem a mesma coisa (David, se me estiveres a ler interioriza os ensinamentos desta boa alma, tá?).
Mas este rapaz não é um canalha qualquer que só quer dar meia dúzia de quecas de seguida (ah garanhão!). Não, o David é um gentleman e avisa que os preliminares incluem jantar e cinema, para romantizar um pouco a coisa. E acrescenta que esses faits divers estão incluídos nas 5 horas, um aviso inserido de mansinho para as moçoilas não irem ao engano. 
Chegada a esta parte, é aqui que fico realmente confusa. Vejamos:

1. O David gosta de sessões de 5 horas de sexo tântrico;

2. Nessas 5 horas estão incluídas um cineminha e jantar.

Ora, ainda que o jantar e o cinema aconteçam num qualquer shopping, já que fica tudo ali à mão, entre encontrarem-se para se conhecerem, escolherem um filme, comprarem os bilhetes, partilharem uma McBox (tão fofinho!), verem o filme e fazerem aquela conversa da praxe até decidirem para onde vão já passaram 3 horas e meia.
E depois ainda é ainda preciso chegar ao local 'do crime' e beber um copo para descontrair e fazer mais um bocadinho de conversa, para o momento não ser muito impessoal, o que significa que, bem espremida a coisa, a moça tem direito a uma rapidinha daquelas tão rápidas que nem dá para perceber o que é que aconteceu ali.
Pois é, pois é! Espantadas?
Não é razão para isso, basta estarem atentas aos sinais. Abram os olhos, suas crentes, que não posso estar sempre a amparar-vos as quedas, não é?


P.S.: Meninos, aproveito para vos deixar uma dica supimpa: num primeiro encontro nunca levem uma menina ao shopping, pode ser? E se conseguirem evitar fazê-lo pelo menos até ao 17.º, tanto melhor.

19 comentários:

A mamã vai casar disse...

Ai o que eu me ri a ler isto.
Obrigada :)
Beijinho

Ana disse...

Grande David, é assim mesmo!!
O David é daqueles que fecha a gaveta e põe a chave lá dentro!!
Adorei o texto!!
Beijinhos giraça!!

Elisabete disse...

Ahahaah!!!! Esse David...
Bjs

Os olhares da Gracinha! disse...

Maroto esse David ... Bj

L-ucia disse...

Ahahahah! O que eu me ri! :p

Miss Cokette disse...

Foi bem divertido...David o maroto :).
Beijinhos.

misscokette.blogspot.pt

Chic' Ana disse...

Ahahaah, está muito bom! =)
Beijinhos

Tulipa Negra disse...

Adorei!

Messy Jessy disse...

muito bom...muito bom ahahah

Miúda disse...

LOL começo a ficar tentada a abrir uma conta no Tinder para ver/ler este tipo de coisas xD

Marisa Raquel Fonseca disse...

David e o seu romantismo! Gosta de sexo mas demonstra ter outros prazeres, como um Homem que se preze! bjs
Coco and Jeans By Marisa

Claudia Victória disse...

hahahhaha muitooo bom!
Bjs
http://momentosdemodaebeleza.blogspot.com.br

Catarina Pereira disse...

Ahahahhaha, esse David é malandro...

Ana Freire disse...

O David enganou-se certamente... se calhar queria dizer tétrico... em vez de tântrico...
Adorei o teu post! Impossível não rir!...
Beijinho! Bom fim de semana!
Ana

alfacinha disse...

malandros nunca faltam
abraço

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

Interessante partilha... ainda a sorrir com algumas partes.
A ilação que retiro é que ele deveria estar sob medicação de várias espécies, além de enquanto via o filme, também jantava e ao mesmo tempo praticava o ato sexual tântrico ou outro termo... Isso é um pacote de 3 num só, falta saber se ainda abusou do "pacote" rsrsrs...

Bom fim de semana Marta. Bj

Lápis Roído disse...

Ó Martinha, eu fiquei mesmo convencido disto: as 5 horas de sexo tântrico são com cinema e jantar incluídos. Ou seja, o homem quer dar a olímpica pinocada a ver filmes e a comer ao mesmo tempo. Multi-tasking, estás a ver? è um bocado chato por causa das migalhas e da tentação de ler as legendas, mas pronto. Se o rapaz diz que consegue, quem somos nós para o desmentir =P

M. disse...

Irra que o David, ou tem muito tempo livre, ou faz muito boa gestão do tempo...

A Senhora do Trevo disse...

Muito Bom! :)))