.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } -->

30/09/2014

| Tendências outono.inverno 2014: Pelo, pelo e mais pelo |


A tendência não é nova mas, este ano, os casacos de pelo surgem em todas as variações e mais algumas: curtos, compridos, lisos, estampados, em versão colete, discretos, chamativos, enfim, há-os para todos os gostos. E porque são uma ótima opção para os dias frios (confortáveis e quentinhos que só eles), nada como nos inspirarmos nos modelos dos grandes criadores e comprarmos os que são acessíveis aos nossos bolsos.
Ora vejam: 





Imagens à esquerda: style.com


26/09/2014

| Leave the world behind |





Não sendo grande fã de música eletrónica, nunca tinha ouvido falar dos ‘Swedish House Mafia’. No entanto, ainda assim fiquei com curiosidade de ver ‘Leave the world behind’, sobre este trio de DJ’s, que obteve belíssimas críticas.
Não me desapontou.
Realizado por Christian Larson (2014), este documentário acompanha Sebastian Ingrosso, Axwell e Steve Angelo na sua última digressão, quando já tinham decidido separar-se. Reconheci algumas das suas músicas (têm milhares de fãs em todo o mundo que os apelidam de reis da house music) e, confesso, durante o documentário fui ficando cheia de energia, contagiada pela música, pelas imagens e pela adoração dos muitos e muitos seguidores.
Obrigatório para quem gosta de música eletrónica ou de bom cinema.


24/09/2014

| Já há muito tempo que não falávamos sobre sapatos |


Andei a espreitar o site da Zilian à procura dos sapatos e botins essenciais para este outono/inverno e podem ver aí em baixo a seleção dos que mais gostei.

Atenção que, para além da nova coleção, se forem ao Outlet do site encontram sapatinhos bem bonitos com descontos enormes, pelo que é de aproveitar!




Imagens: zilian.com


22/09/2014

| Love stripes |


Ainda há uns dias estas fotos foram tiradas e hoje o país está a afundar-se. Quanta ironia desnecessária!









Camisola H&M, saia Stradivarius, carteira Hampton, sandálias Calvin Klein


20/09/2014

| Querido diário: |






Não é original mas era assim que começava sempre a escrever no meu diário. Deve ter sido pelos 12 anos que comecei a escrever e fi-lo durante muitos anos, com alguns interregnos.
Nas férias descobri, em casa dos meus pais, o diário que escrevi entre 27.01.1997 e 19.04.2001, dividido em 5 volumes, e não consegui descansar enquanto não o li de fio a pavio. Foi engraçado porque esta descoberta me fez sentir uma miúda, já que aproveitei todos os momentos livres para, 'às escondidas', ir ler este tesouro.
Ri muito, chorei, recordei momentos que já se tinham apagado e apercebi-me de que muitas das minhas memórias eram distorcidas, a forma como as recordava não correspondiam à forma como tinham acontecido.
Fiquei bastante surpreendida porque já naquela idade questionava muito (como continua a suceder) e (com orgulho) posso afirmar que sou muito daquilo que era: os meus sonhos e atitude perante a vida continuam os mesmos. De resto, ler algo que escrevi há tantos anos é um exercício de auto-conhecimento avassalador, muito mágico.
Fiquei com vontade voltar a passar pelo mesmo, o que me obriga a retomar a escrita de um diário. Adoro descobertas felizes...  


18/09/2014

| Vernizes outono/inverno 2014 |






Já assumi por aqui, mais do que uma vez, que sou uma espécie de vernizodependente (a palavra não existe mas faço-me entender). Há pessoas que se sentem nuas se não estiverem a usar perfume, eu sinto-me nua se não usar verniz. Quer dizer, isso também me sucede com o perfume, mas numa escala muito mais pequena. 
Assim, estou sempre atenta às tendências para ver o que é que vou comprar, para juntar aos cerca de quarenta e qualquer coisa vernizes que tenho lá por casa, que estes são como os sapatos, nunca são demais!
Então vamos lá:
Neste outono/inverno (que, segundo as más línguas, já começou) os vernizes vermelhos em tons escuros mantêm-se in (é o que eu digo, vermelho nunca passa de moda), bem como os tons nude e rosa claro.
Os castanhos regressam em força, à semelhança do que acontece com os batons.
Já os azuis e cinzas (bem como os roxos) devem ser bem escuros, quase quase a chegar ao preto: adoro, cheira-me que vou abusar!
Quanto aos metalizados, esses continuam a usar-se, independentemente do seu tom.


14/09/2014

| Ballerinas |





Durante muitos anos pratiquei ballet clássico. Aliás, o meu sonho de criança era ser professora de ballet, mas um problema de tendões fez-me abandonar a ideia. No entanto, e como é normal, continuo a adorar tudo o que se relacione com o universo da dança. 
Não é de estranhar, por isso, que me tenha apaixonado por estas sabrinas (da Seaside) assim que as calcei, e que tanto me fazem lembrar as minhas sapatilhas de ballet, tão gastas e suadas.   
Não são amorosas? 


11/09/2014

| Os opostos atraem-se |


Quem acompanhe estas coisas da Moda sabe que uma das grandes tendências é usar as sapatilhas de desporto com roupa dita normal.
Não obstante não seja uma caçadora de tendências, uso aquelas de que gosto e desta gosto mesmo. Cada vez acho mais piada a arriscar combinações improváveis e a brincar com as peças: divertir-me com o que visto é o grande objetivo!
Assim, já que era para misturar as sapatilhas de desporto (estas são da Berg) com algo mais 'normalzito', decidi que tinha de lhes juntar algo que fosse muito diferente. Acabei por escolher este vestido acetinado (não sei a marca, já o tenho há muitos anos) e adorei o resultado.
E vocês, já experimentaram ou mantêm-se (mais) tradicionais?












09/09/2014

| Em modo F³ |





Há mais de uma semana que me encontro em modo Férias, Family & Friends, e que bem que tem sabido...
Tenho ido bastante à praia, já que têm estado uns dias maravilhosos e, cereja no topo do bolo, sem as enchentes de gente do costume. 
O resto do tempo?
Muitas conversas e muita dança (sim, tenho dançado muito, o que me tem deixado matar o bicho), comida da boa, livros, muitos mimos e muitos risos. 
O que pode uma mulher desejar mais? Talvez que estas férias durassem mais uns 15 dias ('tá bem Marta, pára lá de sonhar)!

  

04/09/2014

| Espaço Eça |


Há uns dias fui jantar com umas amigas a um sítio que ainda não conhecia, não obstante o mesmo se situe bem no coração de Leiria e, tenho a dizer-vos, foi paixão à primeira vista (e mordida, eheheh).
No Espaço Eça servem-nos refeições leves, do género tostas, saladas e quiches. Eu jantei uma tosta de alheira com queijo (que tinha tanto de enorme como de deliciosa) e, de sobremesa, um requeijão com um doce já não sei de quê que era de babar. E os preços são baratíssimos, mesmo, pelo que vai passar para a minha lista de locais habituais.
Mas o que mais me encantou foi a decoração, com pormenores muito bonitos e cheios de bom gosto, e com uma alusão especial ao nosso Eça de Queirós (ou Queiroz?), pelo que os livros são mais do que muitos.
Ora eu, como leitora compulsiva que sou, não consigo imaginar melhor cenário: comida muito boa (acompanhada, por falar nisso, de um rosé divino que não era adocicado) e muitos livros à mistura. Há coisa melhor? 

Fica no n.º 10 A da Rua Direita, em Leiria.