.backtotop { position: fixed; bottom: 20px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ } .backtotop:hover { background-color: #333333; /* color of background on hover over */ color: #ffffff; /* color of text on hover over */ text-decoration: none; /* no underline */ bottom: 10px; /* increase value to move position up */ right: 0px; /* increase value to move position left */ padding: 10px; /* add space around the text */ } .jump-link { text-align:right; } .jump-link a { text-align:right; font-size:15px; padding:10px; border: 1px solid #000; background-color:#ccc; color:#000; font-weight:bold; } -->

13/07/2018

| E assim foi o NOS Alive |


Ontem foi o primeiro dia (e para nós o último) de NOS Alive.
Nos festivais sinto-me em casa - adoro o ambiente e a energia - e soube muito bem regressar, um ano depois, a um festival aonde já tinha sido muito feliz.
Bem, vou deixar-me de conversa fiada e passar ao que mais interessa, os concertos.
Os cabeça-de-cartaz Arctic Monkeys estiveram bem (Alex Turner, o vocalista, tem uma voz... e uma pinta que nem vos digo), mas esperava um pouco mais de rock. Muito piano (de que gosto, atenção), muita melodia calma q.b., houve ali umas músicas que partiram um bocadito mas faltou uma explosão musical, percebem? Soube a pouco.
Já os Nine Inch Nails, que tocaram antes, deram-nos rock com fartura, gostei muito.
O melhor ficou guardado para o fim e foram os portugueses Orelha Negra que deram o melhor show, na minha opinião. Não há muito a dizer, foram MA-RA-VI-LHO-SOS.
Não conseguimos ficar para ver Blasted Mechanism (o babe foi trabalhar hoje e o concerto começava às 3 da matina), mas se alguém esteve por lá diga como foi, s.f.f.
Para além da música, um dos momentos altos da noite aconteceu quando estava a sair da casa de banho e vejo a passar à minha frente uma miúda que tive logo a certeza ser a Jiji, minha companheira do projeto A beautiful week.
Não nos conhecíamos pessoalmente e soube mesmo bem encontrá-la naquele contexto e perceber que é um amor de miúda, tal como imaginava (foi um prazer Joana 😏). 
Aqui ficam algumas fotos que tirei, mais a foto que o homem nos tirou. 
Ah, não liguem à expressão dele, de quem parece querer bater em alguém: estávamos esfomeados, na fila para ir comer o melhor hamburguer do recinto há mais de 15 minutos, quando lhe pedi para nos tirar a foto. Hum, pensando bem, se calhar o babe queria mesmo bater em alguém. Imaginem em quem. 😄  







P.S.: Hoje é o meu primeiro dia de férias (aleluia, irmãos) e este blog vai estar em modo descanso durante os próximos dias. Não desesperem, que depois conto-vos tudito.
Se acharem que não aguentam, acompanhem-me pelo Instagram (em @marta_fashionoir), mantenho-me ativa por lá.
Até jáááá.

9 comentários:

Larissa Santos disse...

Muito, muito bem. Eu espero, sentada...kkkkkkkkkkk

Hoje:- Acordo, recordo-te em meu coração.

Bjos
Votos de uma óptima Sexta - Feira

Kaos Calmo disse...

Não sou só eu a gostar dos Artic Monkeys e do Turner.
Future Islands, The National, Jack White, The Gift, Pearl Jam,
Perfume Genius etc...um bom cartaz este ano.
Não sei como vou ver todos aqueles que gosto, como os Yo La Tengo...
Bom Festival!
Bjos

Elisabete disse...

Que bom!
Boas fér
Bjsias, Marta.

Simple Girl disse...

Que bom que te divertiste!
Bom domingo, beijinhos :)

Graça Pires disse...

Ainda bem que gosta de festivais e se diverte… Gostei das fotografias.
Uma boa semana.
Beijos.

Ana Bessa disse...

Aproveita bem essas férias :)

Lúcia Sousa disse...

Parece ter sido um bom bocado :)

Ana Freire disse...

Deve ter sido fantástico!
Confesso, que ando um pouco arredada dos festivais, nesta fase... mas espero ir a alguns espectáculos e concertos, neste Verão, ainda...
Beijinhos! Boa semana... e boas férias, se for o caso!
Ana

Sakuranko disse...

Oh very interesting darling
xx